Como saber se tenho disfunção erétil?

5 (100%) 1 vote[s]

disfuncao eretil

Infelizmente, uma boa parte dos homens hoje em dia sofre com um problema conhecido como disfunção erétil.

Apesar de ser algo possível de ser tratado, é comum que o assunto seja ainda considerado um tabu entre o público masculino e, além disso, seja um motivo de vergonha. No entanto, fique sabendo que as coisas não precisam ser assim.

Como é algo bastante recorrente, os homens deveriam conversar e procurar ajuda o quanto antes – e não ficar deixando para depois.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, cerca de 45% de todos os homens do Brasil enfrentam o problema da disfunção erétil. Realmente bastante coisa, não é mesmo?

E isso acontece em pessoas de qualquer idade e por diferentes motivos. A grande questão é que isso não afeta apenas a vida sexual de alguém: as consequências vão muito além. Muitas vezes, a autoestima do homem diminui muito por conta disso.

Mas, como saber se você, por exemplo, tem dificuldade de ereção? Como fazer o tratamento da doença e evitar problemas mais sérios?

Não se esqueça de que a falta de autoestima, por exemplo, pode levar até mesmo à depressão.

Por isso é tão importante saber tudo sobre a disfunção erétil o quanto antes. Continue lendo este artigo e veja várias informações a respeito desse assunto.

O que é disfunção erétil?

disfuncao eretil

Nada melhor do que começar explicando o que é disfunção erétil, certo? Também conhecida como impotência sexual, ela é uma dificuldade constante que o homem tem para conseguir ou manter a ereção.

Em alguns casos, esse problema pode até ser um indicativo de doenças crônicas, mas na maioria das situações não é.

É bastante comum que os homens fiquem assustados quando percebem que não estão conseguindo manter uma ereção, e muitas vezes acabam não contando para ninguém e nem procuram ajuda.

Entretanto, o que eles não pensam no momento é que uma hora ou outra alguém vai descobrir, principalmente se ele estiver em um relacionamento.

Aqui é importante lembrar que, para um problema de ereção ser considerado disfunção erétil, é necessário que ele ocorra, em média, uma vez em cada quatro relações sexuais, por exemplo.

Caso tenha acontecido apenas uma vez ou outra, é possível que algum fator psicológico do dia tenha influenciado. Por isso é realmente importante ficar de olho na frequência antes de procurar um profissional.

Como já mencionado antes, as causas desse problema variam bastante: podem ser de origem psíquica, física ou relacionada com o hábito de vida do homem. Por exemplo, quem fuma bastante possui grandes chances de sofrer com a disfunção erétil.

A boa notícia é que hoje em dia já existem diferentes tipos de tratamentos para esse problema, sendo assim, o mais importante é não sentir vergonha e não esperar muito tempo para procurar um médico.

Quais são os principais sintomas da disfunção erétil?

disfuncao eretil

Muitos homens pensam que o único sintoma da impotência sexual é não conseguir ter ou manter uma ereção, no entanto não é apenas isso.

Há ainda outros sintomas que podem mostrar que algo está errado, são eles:

  • Levar muito tempo para ter uma ereção;
  • Ter uma ereção pequena e/ou insuficiente;
  • Ter frequentemente ejaculação precoce;
  • Não ter ereções espontâneas.

É claro que a incapacidade de ter ou de manter uma ereção é o principal sintoma dessa doença, mas também é importante ficar de olho em todos os outros mencionados acima.

Disfunção erétil: como tratar

disfuncao eretil tratamento

Depois de descobrir a disfunção erétil, como é possível tratá-la?

Tenha em mente que o tratamento vai depender e muito de cada caso em específico. É por isso que procurar um médico é o mais recomendado.

De qualquer forma, no geral, existem algumas formas de tratamentos mais comuns para essa doença: mudar o quanto antes os hábitos de vida, fazer terapia, fazer o uso de estimulantes sexuais, entre muitas outras coisas.

Ou seja, apenas um médico especializado é capaz de indicar para você qual a melhor forma de tratamento. Isso porque ele primeiro vai avaliar o seu caso para depois dar as alternativas.

Melhores remédios para disfunção erétil

disfuncao eretil remedios

Como mencionado acima, uma das formas de tratamento da disfunção erétil é fazendo o uso de medicamentos, ou seja, de estimulantes sexuais. Esses remédios acabam fazendo com que todo o mecanismo erétil funcione melhor.

Na verdade, se você fizer uma rápida pesquisa conseguirá perceber que existem diversas opções de estimulantes sexuais para tomar e dar adeus à impotência sexual.

Confira logo abaixo os principais entre eles:

Power Blue

power blue

O Power Blue é um estimulante sexual 100% natural e, ao contrário do que muitas pessoas pensam, ele é extremamente eficiente.

Todas as substâncias naturais que ele possui, juntas, são capazes de proporcionar incríveis resultados. Tudo isso de forma duradoura e sem efeitos colaterais, é claro.

Esse estimulante contém acetato de magnésio, niacina, piroxina e trillium rectum, ou seja, é tudo totalmente natural mesmo.

Um dos atributos mais poderosos a favor do produto são os depoimentos sobre Power Blue. Em praticamente 100% dos casos, os relatos são altamente positivos, incluindo a recorrência do uso.

Em outras palavras, ele é tão eficaz para tratar os problemas de impotência sexual, que os usuários sempre estão dispostos a comprar o estimulante sexual novamente.

Xtrasize

xtrasize

Outra opção bastante procurada pelos homens é o Xtrasize. Todos os afrodisíacos naturais presentes nesse estimulante conseguem manter em alta a libido, a potência e vontade de transar.

Dessa forma, ele estimula para valer o desempenho sexual dos homens que sofrem com a disfunção erétil. Por também apresentar uma fórmula 100% natural, os efeitos colaterais desse estimulante são raros.

Assim como no caso do Power Blue, o Xtrasize construiu uma credibilidade sólida e duradoura entre o público masculino. É válido destacar que são muitas as demonstrações da eficácia do produto nos depoimentos sobre Xtrasize.

Em certo ponto, é até arriscado tentar responder qual dos dois suplementos apresenta melhores resultados. É importante considerar que os efeitos variam de pessoa para pessoa, no entanto, existe uma parcela considerável  de homens que não abre mão de Xtrasize por nenhum outro suplemento.

Viagra

viagra

Por fim, quem é que nunca ouviu falar do Viagra, não é mesmo?

Também bastante usado para combater a disfunção erétil, esse medicamento relaxa a musculatura dos corpos cavernosos, a principal estrutura erétil do pênis e, dessa forma, facilita a ereção.

O grande problema é que o Viagra causa alguns efeitos colaterais como, por exemplo, tontura, palpitações, dores de cabeça, vômito, dor nos olhos, má digestão, congestão nasal, zumbidos, ereção prolongada demais, entre outras coisas.

Ou seja, é necessário tomar bastante cuidado e evitar ao máximo usar esse remédio.

A melhor alternativa para ficar longe da disfunção erétil é fazendo uso de estimulantes sexuais naturais mesmo, como é o caso do Power Blue e do Xtrasize.

Isso porque esses estimulantes quase nunca geram algum efeito colateral, ou seja, apenas trazem benefícios.

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *